Confirmação 2017
12 de Novembro foi um dia especial na CELE. ...
Culto distrital - 500 anos da Reforma
Simplesmente Maravilhoso ...
Campanha Mude o Brasil pela Bíblia 2017
No ano em que se celebram os 500 anos da Reforma, vamos colocar a Bíblia no centro da vida do ...
Profissão de Fé na CELE
Dia 09 de julho, foi mais um dia muito especial para a nossa congregação. ...
Hino dos 500 anos da Reforma Luterana - IELB
Vencedor do concurso do hino dos 500 anos da Reforma Protestante - IELB ...
500 anos da Reforma Luterana - Sem intermediários
Segundo video de uma série sobre os 500 anos da Reforma Luterana ...
500 anos da Reforma Luterana - Como tudo começou
Primeiro video de uma série interessante sobre a Reforma Luterana ...
Campanha Mude o Brasil pela Bíblia 2017
No ano em que se celebram os 500 anos da Reforma, vamos colocar a Bíblia no centro da vida do ...
foto: Internet
Está consumado!
Quando, pois, Jesus tomou o vinagre, disse: Está consumado! E, inclinando a cabeça, rendeu o espírito
Está consumado!

"Quando, pois, Jesus tomou o vinagre, disse: Está consumado! E, inclinando a cabeça, rendeu o espírito" (João 19.30)*.

Quando jovem Davi enfrentou a Golias somente com sua funda, houve um suspiro nas fileiras dos soldados de Israel (1 Samuel 17). Este suspiro se transformou em júbilo quando o gigante Golias tombou ao chão.

Igual suspiro e brado de vitória circunda nossos corações ao ouvirmos da boca de nosso substituto, nosso Salvador, as palavras: Está consumado! Ele não disse o que estava consumado. No momento não adiantaria. Os incrédulos não o aceitam, os fiéis ainda não compreenderiam.

Com que humildade nosso Salvador anunciou sua vitória. Ele não disse: Eu concluí a grande obra. Ele diz simplesmente: Está consumado! Estava consumada a grande obra da salvação da humanidade; obra planejada por Deus desde e eternidade. Minuciosamente anunciada através de milênios por muitos profetas. Esperado pacientemente por muitos fiéis. Agora, a grande obra estava terminada.

Estava consumada aquela obra que só o Filho de Deus poderia realizar. Ninguém pode salvar-se a si mesmo. Mesmo se alguém desse todos seus bens aos pobres e deixasse queimar seu corpo (1 Coríntios 13). Tudo seria em vão. O salmista diz: "...verdadeiramente, ninguém o pode remir, nem pagar por ele a Deus o seu resgate" (Salmos 49.7).

O apóstolo Paulo esclarece e resume esta obra assim: "Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não imputando aos homens as suas transgressões, e nos confiou a palavra da reconciliação. De sorte que somos embaixadores em nome de Cristo, como se Deus exortasse por nosso intermédio. Em nome de Cristo, pois, rogamos que vos reconcilieis com Deus" (2 Coríntios 5.19-20). É a palavra mais importante pronunciada na terra. É a pregação do evangelho. O Cordeiro que foi morto e é digno de receber força e glória (Apocalipse 7.10,12).

Está consumado! Pecado, morte e Satanás foram vencidos. É um profundo consolo para todos os pecadores que arrependidos de seus pecados se volta para Cristo. Nele eles têm perdão, vida e eterna salvação.

Está consumado! O caminho aos céus está aberto. Deus mesmo o abriu e convida todas as pessoas, dizendo: "Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei" (Mateus 11.28). Agora, por amor a Cristo, Deus perdoa os pecados, aceita as pessoas de volta em sua comunhão como filhos e herdeiros da vida eterna. O apóstolo Paulo afirma: "Concluímos, pois, que o homem é justificado pela fé, independentemente das obras da lei" (Romanos 3.28). E: "Pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós; é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie" (Efésios 2.8-9). Tudo isso Deus nos oferece em sua Palavra e por seus sacramentos. Bem-aventurado aquele que crê.

Ao mesmo tempo, essas palavras são uma séria advertência:
1. A todos os pecadores para que reconheçam sua culpa e o quanto a reconciliação custou a Deus.
2. Que a justiça própria não salva ninguém.
3. Que somente em Cristo há perdão, vida e eterna salvação.
4. Consolo e força para todos os pecadores.

A obra está completa, nada precisa ser acrescentado, somos salvos unicamente pela graça de Cristo, por meio da fé.

Agora temos salvação / por graça e por bondade. / As obras não nos salvarão, / são vãs na adversidade. / Na fé confiamos em Jesus, / que tudo fez por nós na cruz, / sofrendo em humildade. (HL 373.1)

*As citações Bíblicas estão de acordo com a tradução Almeida RA - Revista e Atualizada

Horst R. Kuchenbecker
Pastor da IELB
Horst R. Kuchenbecker
Horst R. Kuchenbecker
sexta-feira, 14 de abril de 2017

Luterana Ebenézer
Congregação Evangélica Luterana Ebenézer
Considerada Utilidade Pública Lei nº 374/1971
Filiada à IELB - Igreja Evangélica Luterana do Brasil
Rua Januário Zíngaro, 51 – Campo Limpo – São Paulo – SP – CEP 05794-300
Tel: (11) 5841-4254 - E-mail: luteranaebenezersp@gmail.com
2010-2017 - Todos os Direitos Reservados - Luterana Ebenézer
Desenvolvido por: Wagner Jann